Indicadores educacionais: Como melhorar os dados pedagógicos para decisões estratégicas

indicadores educacionais

Indicadores educacionais: Como melhorar os dados pedagógicos para decisões estratégicas

Indicadores educacionais são ferramentas importantes na gestão escolar, que ajudam a identificar possíveis gargalos ou necessidade de melhorias e viabilizam aprimoramentos e mudanças. Ou seja, indicadores educacionais auxiliam sobre determinado objetivo e sinalizam se ele está sendo alcançado ou se há necessidade de intervenções e mudanças. 

Neste artigo iremos falar sobre como aprimorar os indicadores educacionais para garantir decisões estratégicas para sua comunidade escolar. Vamos lá?

O que são indicadores educacionais?

Indicadores educacionais são dados que avaliam a qualidade, produtividade e/ou prática pedagógica das instituições e  atribuem um valor estatístico à qualidade de ensino.
Também podem estar presentes nas salas de aulas, avaliando a aprendizagem de estudantes. Por exemplo, se um estudante está com baixo desempenho em provas de determinada disciplina, em relação às expectativas de aprendizagens, indica que é necessário uma intervenção específica para garantir a aprendizagem desse estudante. 

 Indicadores educacionais oficiais no Brasil

No Brasil, os indicadores educacionais, segundo o INEP, são: 

  • O contexto sociodemográfico: a região em que se encontram as instituições;
  • As condições de oferta: a infraestrutura das instituições de ensino;
  • O acesso e a participação na educação: as oportunidades de acesso à educação formal e o número de estudantes da instituição;
  • A eficiência e o rendimento escolar: se os alunos estão desenvolvendo as competências e habilidades esperadas no plano escolar;
  • O desempenho escolar: as notas obtidas pelos estudantes nas avaliações escolares;
  • O financiamento e o gasto em educação: o investimento destinado à educação feito pela secretaria escolar responsável por aquela instituição.

Como os indicadores educacionais ajudam sua instituição?

Mensurar e acompanhar os indicadores, pode melhorar e potencializar o trabalho dos professores e aprendizado das turmas. Para isso, é importante estabelecer objetivos claros e realizáveis, partindo de um cenário realista e de acordo com o contexto da sua instituição. Separamos alguns pontos que você pode acompanhar para estabelecer estratégias de sucesso:

  • Verificar se o desempenho dos estudantes tem evoluído ao longo dos anos;
  • Analisar qual o desempenho de estudantes das instituições que são referência em exames nacionais como o ENEM;
  • Verificar se as taxas de recuperação no final do ano letivo podem ser melhoradas
  • Acompanhar atentamente se há e qual o nível de evasão escolar;
  • Analisar o grau de satisfação de estudantes, famílias, bem como de docentes e funcionários;
  • Fornecer acesso e utilização de tecnologias de informação e comunicação

Melhorando os indicadores educacionais

Melhorar os indicadores educacionais é importante para aumentar o desempenho escolar dos estudantes e garantir bons resultados para o ensino-aprendizagem. Para isso, algumas ações podem ser adotadas. São elas:

Revisão constante das metodologias pedagógicas adotadas

As metodologias pedagógicas, assim como toda metodologia, precisa de revisão constante. É necessário identificar se elas estão sendo eficientes ou não.
Se uma estratégia, validada anteriormente, não está mais dando certo, é necessário revisitá-la.

Invista em práticas de ensino inovadoras

Provavelmente você já ouviu falar que escolas inovadoras são as escolas do futuro. E o futuro é agora! Coloque estudantes como protagonistas do processo de aprendizagem e invista em tecnologias que possam potencializar os resultados dos estudantes e apoiar educadores. 

Receba aqui nosso e-book exclusivo e gratuito com dicas de como escolher as melhores tecnologias para sua escola.

Avalie o desempenho dos estudantes periodicamente

Crie estratégias eficientes que possam melhorar o desempenho das turmas, entendendo qual a realidade dos discentes e acompanhando os resultados ao longo do tempo. 
Invista sempre em formas de monitorar o desempenho das turmas. Você pode fazer avaliações com diferenciais, por exemplo, com jogos e concursos.

Use a tecnologia a seu favor

A tecnologia pode ser uma grande aliada no processo de ensino e aprendizagem, ainda mais no contexto em que estudantes estão cada vez mais conectados. 
A partir disso, insira a tecnologia para a sala de aula para que o processo de aprendizagem fique cada vez mais alinhado com a realidade dos alunos. Com isso, você pode potencializar o ensino da sua instituição e melhorar o desempenho dos alunos.

Gostou do conteúdo? Fique de olho no nosso blog que em breve teremos mais artigos para você!