Alfabetização e Letramento – Você sabe a diferença?

Alfabetização e Letramento – Você sabe a diferença?

Alfabetização e Letramento – Você sabe a diferença?

Letramento e alfabetização são dois conceitos que abordam processos de escrita e leitura. É comum percebermos uma confusão entre os conceitos alfabetização e letramento, porém são conceitos diferentes.
No entanto, apesar de serem distintos, eles são complementares e caminham lado a lado no processo de aprendizado de uma língua e na formação do indivíduo no seu contexto social. Por isso, é tão comum percebermos uma confusão entre esses conceitos.

De maneira geral:

Alfabetização é aprender a decifrar o código e, assim, ser capaz de compreender as regras do sistema de escrita: ter noção do alfabeto, da representação dos sons, da percepção dos significados.

Letramento é aprender a utilizar o código com “jogo de cintura linguístico”, ou seja, utilizar a língua em seus diversos contextos e aplicar suas regras de escrita e de leitura. Em outras palavras, é conseguir compreender, interpretar e analisar informações, respeitando e compreendendo as especificidades dos diferentes gêneros, estilos e formatos de textos que circulam em nossa sociedade. Portanto, o letramento envolve uma série de competências que estão ligadas à leitura e à escrita e, principalmente, como estas se comportam dentro dos contextos culturais, políticos e econômicos de uma sociedade.

Deste modo, um sujeito alfabetizado não necessariamente é letrado. Porém, um sujeito letrado é, necessariamente, alfabetizado.
Entendendo que alfabetização letramento são conceitos distintos, quando analisamos as definições, pode parecer que alfabetização é um processo anterior ao letramento. Entretanto, os dois processos acontecem de forma simultânea, como aponta Magda Soares:

Não são processos independentes, mas interdependentes, e indissociáveis: a alfabetização desenvolve-se no contexto de e por meio de práticas sociais de leitura e de escrita, isto é, através de atividades de letramento, e este, por sua vez, só se pode desenvolver no contexto da e por meio da aprendizagem das relações fonema–grafema, isto é, em dependência da alfabetização. (SOARES, 2004, p. 14).

Quer saber mais sobre o tema e entender porque alfabetização e letramento são conceitos distintos? Baixe agora o ebook gratuito: “Introdução ao letramento”. É só clicar aqui.

Referências Bibliográficas

*SOARES, Magda. Letramento e alfabetização: as muitas facetas. Revista Brasileira de Educação, 2004.

Disponível em <https://www.scielo.br/pdf/rbedu/n25/n25a01.pdf>. Acesso em: 15 de jun. de 2020.

Tags:
,
No Comments

Post A Comment